inFamous 2

Nesta continuação de inFamous, algum tempo após derrotar Kessler, o homem elétrico Cole McGrath é atacado pel’A Besta em Empire City e sacrifica seus poderes em um ataque de máxima intensidade para derrotá-la temporariamente.

Em seguida seu novo contato no FBI o informa que na cidade de New Marais há um cientista que desenvolveu a Ray Sphere e pode restaurar sua força e desenvolver uma forma de derrotar A Besta. Cole viaja para lá e começa a corrida contra o tempo: enquanto Cole se recupera, A Besta sente sua localização e começa a viajar em sua direção, deixando um rastro de destruição e morte pelo sudeste dos EUA.

Em New Marais, descobre uma cidade atingida pela mesma praga que dizimou a população de Empire City: a radiação da Ray Sphere. New Marais é dominada por três facções: uma milícia armada criada por um milionário influente para suplantar a autoridade policial, uma nova geração de conduítes (como são chamadas as pessoas que possuem genes ativados pela radiação da Ray Sphere) com poderes baseados no gelo e por último, mutantes do Pântano, criados em laboratório a partir de conduítes.

A jogabilidade é quase a mesma do antecessor. Cole escala prédios, flutua temporariamente e desliza por cabos elétricos. Executa os mesmos tipos de missões e desenvolve poderes diferentes de acordo com suas decisões kármicas. Uma primeira análise indica que é mais do mesmo, mas a história coesa, o roteiro marcante e as melhorias gráficas renovam a experiência.

A progressão dos poderes ficou diferente: eles são destravados quando se executa certas tarefas e, em vez de simplesmente aumentar a força dos ataques, ganham formas diferentes de uso. Por exemplo, o raio tem modos para ser espalhado para atingir vários inimigos ou ganhar potência para matar alguém mais rápido ou ganhar alcance para atingir alvos a grande distância. A granada pode se espalhar para atingir uma área maior ou colar em um inimigo ou congelar o inimigo atingido. Sim, existem alguns poderes de gelo.

Cole também ganhou uma arma, o Amp, uma espécie de tacape de metal em formato de Y usado em ataques corpo-a-corpo, que levam a bonitas sequências de golpes finalizadores que repõem sua energia.

Uma boa novidade são as missões em conjunto com as personagens secundárias Kuo e Nix, uma possui poderes baseados no gelo e representa o lado heróico do karma e outra possui poderes mais voltados ao fogo e representa o karma inFame.

Na parte gráfica, os personagens ganharam muito mais detalhes, principalmente no rosto. Os cenários foram muito bem construídos. New Marais é uma versão imaginária de New Orleans pós-Katrina e sua área inundada é a mais surpreendente.

inFamous 2 conta com um modo de criação e compartilhamento de missões, em que se escolhe cenário, inimigos, objetos, objetivos e até mesmo diálogos por texto e cutscenes. Joguei diversas missões da comunidade e achei verdadeiras pérolas, que vão desde um Pac-man em terceira pessoa até exercícios de escalada no limite da atmosfera.

 

Pontos positivos

  • História cativante. A junção dos dois jogos forma uma verdadeira saga.
  • Decisões kármicas mais significativas, levando a uma inesperada reviravolta e finais surpreendentes e tocantes.
  • Aprofundamento nos personagens secundários, mais empáticos.

Pontos negativos

  • Poderia ser um pouco mais difícil. É bem fácil de finalizar, mesmo no modo de dificuldade maior.
  • O novo dublador do Cole é meio canastrão.
  • Poderia haver mais variedade de missões.

E vocês, o que acharam deste jogo? É para manter na coleção ou passar para frente após ver os dois finais? Será que rola uma continuação? Alguém aí ainda não jogou o primeiro inFamous?

Anúncios

0 Responses to “inFamous 2”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 203 outros seguidores

Comentários

Ivan Carlos em Teste
Talvane em Teste
Raphael Aguiar em Teste
Renato Reish em Teste
Leonardo Passos em Teste
Leonardo Passos em Teste
Adriano Gorrasi em Teste
Luciano em Teste
Rodrigo Silveira em Teste
Papaidilda em Teste
ricardo em Logitech Driving Force GT
Ana em Patrulha Estelar (Star Bl…
Vitor em Comando do pessoal do blog no…
Karl Willy klumpp em Comando do pessoal do blog no…
anderson em Logitech Driving Force GT

Twitter – RSeiti

Twitter – Vitor

Twitter – Bruno Juliao


%d blogueiros gostam disto: